Direito de Família. Seguro contra divórcio.


Navegando pela net, em uma pesquisa sobre os "seguros contra divórcio" existentes no Direito americano, encontrei o texto abaixo, que serve como ponto de partida para pensarmos sobre o tema:

Seguros de Divórcio - Triste Lembrança nas Probablidades do Casamento

As pessoas compram seguros para financeiramente protegerem-se contra eventos indesejáveis - incêndio em casa, problemas de saúde. Mas agora as pessoas podem "proteger-se" contra um casamento que deu errado.


Com apenas uns 50 por cento de chance de que um primeiro casamento dure nos Estados Unidos, algumas pessoas estão comprando a idéia de que eles precisam de seguro de divórcio. A idéia se tornou realidade em agosto, quando John Logan, um homem que sofreu grandes perdas financeiras depois de um divórcio, lançou o WedLockDivorceInsurance.com.

Por apenas 16 dólares por mês para cada cobertura de 1.250 dólares, os segurados podem descontar para a cobertura de divórcio após quatro anos se o infeliz, mas não imprevisto acontece.

No site casamento, ele admite que ninguém quer pensar no divórcio quando a pessoa está prestes a se casar. Mas ele aponta os potenciais clientes para uma longa lista de "estatísticas [que] não mentem," mostrando que o divórcio é prevalente na sociedade dos EUA.

De acordo com a previsão do Censo dos EUA, apenas 33 por cento das pessoas que se casam hoje vão alcançar seu 25 º aniversário.

O site também apresenta um grande contador que mostra que houve 686.025 divórcios nos EUA até agora neste ano (na época do artigo), de acordo com o National Center of Health Statistics.

Curta-nos no Facebook

Mas nem todo mundo é fã do seguro divórcio e a idéia que isso planta em um casamento.

Jenny Tyree, analista de casamento para CitizenLink, o braço político da organização Foco na Família (Focus on the Family), disse que o seguro de divórcio cria para o casamento um "plano de fuga" ao invés de defini-lo sobre a base do compromisso matrimonial forte.

"Este plano de seguro de divórcio é alguém tentando tirar o melhor proveito de uma situação ruim," comentou Tyree ao The Christian Post. "Mas o incentivo financeiro para o divórcio é uma maneira terrível de começar um casamento."

"Quando as coisas ficam difíceis, o que, inevitavelmente, acontece em todo casamento, aquele dinheiro pode parecer melhor do que o trabalho exigido pelo marido e a esposa de passarem pelos tempos difíceis," disse ela.

As estatísticas sugerem que o nível de comprometimento se esvai a cada casamento subsequente. O índice de divórcio é de 67 por cento para segundos casamentos e de 74 por cento dos terceiros casamentos, de acordo com a Jennifer Baker, diretora do Centro de Soluções Profissionais no Instituto Florestal Psicologia Profissional, em Springfield, Missouri.

Dadas as poucas chances de um bom casamento, WedLock afirma que o seguro de divórcio é parte de um bom plano financeiro.

Além de proteção pessoal, WedLock alega que o seguro protege todas as crianças envolvidas em um divórcio, de caírem na pobreza.

Quarenta e quatro por cento das famílias norte-americanas que sofrem de um divórcio passam algum tempo abaixo da linha da pobreza, de acordo com o artigo "Determinantes dos Feitiços da Pobreza após o divórcio (Determinants of Spells of Poverty Following Divorce)," na revista Review of Social Economy.

E em 2002, 7,8 por cento das crianças em famílias de casais casados viviam em situação de pobreza, comparado com 38,4 por cento das crianças em famílias de famílias femininas, de acordo com os Censo dos EUA.

Para Logan e outros, a solução para os alarmantes índices de divórcio e probabilidade de as crianças viverem em situação de pobreza, é o seguro de divórcio. Mas espero que para os Cristãos, o número de casamentos desfeitos e vidas de jovens feridos se traduzam em que as Igrejas e ministérios sejam mais ativos na defesa da santidade do casamento.

"O benefício de um casamento ao longo da vida não tem preço," comentou Tyree. "Não há verbas que poderiam curar a perda vivida por uma criança quando seus pais se divorciam."

...............................

Fonte: http://portugues.christianpost.com/news/seguros-de-divorcio-uma-triste-lembrancanas-probablidades-de-casamento-801/

0 comentários:

Postar um comentário